15 de junho de 2018

Orgulho & Preconceito

Olá Queridos Leitores!
Eu fiquei entorno de quase 4 meses para terminar essa leitura, apesar de ter uma rotina bem agitada não tive como terminar, mas ainda assim, tive uma dificuldade bastante grande sobre essa leitura.

Resultado de imagem para orgulho e preconceito livro
Jane Austen inicia Orgulho e Preconceito com uma das mais célebres frases da literatura inglesa: "É uma verdade universalmente reconhecida que um homem solteiro e muito rico deve precisar de uma esposa". O livro é o mais famoso da escritora e traz uma série de personagens inesquecíveis e um enredo memorável. Austen nos apresenta Elizabeth Bennet como heroina irresistível e seu pretendente aristocrático, o sr. Darcy. Nesse livro, aspectos diferentes são abordados: orgulho encontra preconceito, ascendência social confronta desprezo social, equívocos e julgamentos antecipados conduzem alguns personagens ao sofrimento e ao escândalo. Porém, muitos desses aspectos da trama conduzem os personagens ao auto-conhecimento e ao amor. O livro pode ser considerado a obra prima da escritora, que equilibra comédia com seriedade, observação meticulosa das atitudes humanas e sua ironia refinada.


Orgulho & Preconceito, uma história clássica e bem considerada o melhor romance de época, eu embarco nessa leitura para conhecer a história de Elizabeth Bennet, uma mulher com um gênio bem forte e uma personalidade única para aquela época. Ela sendo a segunda irmã, mas velha de um grupo de cinco irmãs, Lizzy sabe que precisa casa-se com um belo partido para pode garanti um futuro melhor, porém ela não esta disposta a entregasse a um casamento por interesse onde não haja amor.

“Vaidade e orgulho são coisas diferentes, embora sejam palavras usadas muitas vezes como sinônimos. Uma pessoa pode ser orgulhosa sem ser vaidosa. O orgulho está mais ligado a opinião que temos de nós mesmos; e a vaidade, ao que os outros pensam de nós.”

O senhor Darcy, um cara rico e importante na sociedade londrina, onde é acostumando a conviver com pessoas da mesma classe social, ele se vê incomodado com as pessoas ao seu redor que decidi acompanhar seu amigo Bingley a Netherfield Park. Em umas das festas dadas na cidade de Netherfield, o senhor Darcy e seu amigo acaba por conhecer as queridas Bennets. Logo de momento, Bingley se vê interessado pela Jane, a irmã mais velha da família Bennet, porém o Darcy já vai descartando todas as moças das festas, incluindo as irmãs Bennet, dizendo que nenhuma mulher daquela festa não merece nenhuma segunda olhada. Já Lizzy acaba se tornando uma intolerante a Darcy, acreditando que ele é a pessoa mais orgulhosa que já conheceu.

“Você é generosa demais para zombar de mim. Se os seus sentimentos forem os mesmos de abril passado, diga-me logo. Os meus sentimentos e desejos não mudaram, mas diga-me uma palavra, e eu os silenciarei para sempre.”

Bingley e Jane passa a estar bem mais próximo, fazendo com que Darcy e Elizabeth esteja a conviver, mesmo tendo opiniões diferente e varias controversas que tem um do outro. Com essa convivência, senhor Dercy começa a enxerga a querida Lizzy de uma maneira mais agradável, mas já ela de uma maneira mais tolerável.
Bingley vai embora de Netherfield para volta a sua cidade e deixa Jane com o coração partido. Elizabeth passa a fica triste pela irmã e a mesmo tempo aliviada por acreditar que não verá mais o Darcy, mas ela passa a está errada. Passa a vê Darcy mas do que ela realmente não queria e chega um momento em que ela deseja vê-lo mas do que pode. Várias circunstancias fazem prova a Elizabeth que seu julgamento em relação a Darcy é totalmente errado. E Darcy passa a perceber que está apaixonada por ela, apesar de todas as circunstâncias

Eu praticamente não sei se essa resenha fica a altura do livro, porque Jane Austen é Jane Austen. Foi um livro praticamente difícil para mim ler, tive muitos momentos que ficava perdida na história, não sabia exatamente o que estava acontecendo, mas sempre no final eu acaba por entender.  É um romance de época que você se prender, se apaixona e ao mesmo tempo fica ali se perguntando por tudo que está acontecendo nele. Inicie essa leitura pela indicação de Paola do Blog Livros & Fuxicos, e agradeço muito por me apresenta esse romance maravilhoso que eu mesma nem sei como me expressar por ele. Para quem não tenha experiência em nesse livro, que der uma oportunidade porque realmente vale a pena.

2 comentários

  1. Oi Lily, tudo bem?
    Você não é a única que teve dificuldade de ler esse livro. A primeira vez que o li (já tem um tempinho), a linguagem me travou um pouco, mas isso não tira o brilho da obra.
    Bjkas

    http://www.acordeicomvontadedeler.com/

    ResponderExcluir
  2. Lily!
    A Jane Austin foi uma precurssora de seu tempo, relatando as história da corte no século em que vivia.
    Clássico imperdível de ser lido.
    Boa semana!
    “.Aquilo que eu não sei é a minha melhor parte! “ (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design