23 de dezembro de 2019

O Céu Está em Todo Lugar, Jandy Nelson

Olá Meus Queridos Leitores!
Tudo bem com vocês?!
Já estamos em dezembro, o ano está acabando e as metas de leituras longe de ser terminadas né. Não sei o milagre mais só falta um livro para finalizar a minha meta, espero muito conseguir antes de dezembro acaba. Mas hoje trago a vocês uma resenha maravilhosa, o que você faria se ao invés de estar de luto, você acaba se apaixonando? Se interessou, então venha conferir a resenha.

Lennie acabou de perder a irmã mais velha abruptamente; em um dia, Bailey estava lá, se aprontando para interpretar a Julieta na peça da escola, e no outro ela não está mais.O luto de Lennie é uma coisa complicada, cheia de agonia e negação, e a vida dela, antes resumida a ser a sombra de Bailey, de repente se torna um painel solar. Lennie nunca soube lidar com a realidade sem a irmã por perto. Não conhece um mundo em que Bailey não está na cama ao lado da sua, em que seus comentários não serão respondidos por ela. As irmãs cresceram juntas no abandono da mãe, na esquisitice da família, e agora só existe a Lennie. Não bastasse isso, tendo que lidar com a repentina solidão, Lennie descobre que está se apaixonando; como pode se apaixonar quando o corpo da irmã nem esfriou no túmulo?!


"Anos trás, estava deitada no jardim da vovó e Big perguntou o que eu estava fazendo. Disse-lhe que olhava para o céu. Ele respondeu - Essa é uma concepção errada, Lennie, o céu está em todo lugar, começa aqui, aos nossos pés."


Lennie Walker é uma jovem garota de 17 anos e clarinetista. Ela é uma leitora voraz que já leu O morro do vento uivante mais de vinte vezes e que sempre está escrevendo bilhetes e escondendo por onde ela passa. Lennie vive com sua avó e com seu tio Big junto com sua irmã Bailey. A vida de Lennie estava indo muito bem até que um dia sua irmã morre de uma maneira inesperada.

"Não acredito que o tempo cura. Não quero. Se curar, não significa que aceitei o mundo sem ela."

A vida de Lennie muda completamente. Ela tinha sua irmã como uma grande referência para si, sempre vivia em sua sombra. Elas apoiavam uma a outra desde pequena quando sua mãe foi embora deixado elas com sua avó para cuidar.  Mas agora ela está sem rumo e não saber como dar sentindo a sua vida. Perdida em sua tristeza, Lennie não se abre e ninguém consegue entende a imensidão da dor que ela sente pela perda. Entretanto, Toby, o namorado de Bailey, e Lennie se aproxima para tentar amenizar a dor um do outro, já que os dois amava a Bailey. Mas essa aproximação acaba fazendo com que os dois tenha uma atração de sentimentos.


"Não sabia que o amor era assim, como se nos transformasse em brilho."

"Ao voltar para a mesa, uma coisa fica clara: a vida é uma confusão assustadora."

Porém a vida amorosa de Lennie era bastante parada, ela nunca chegou a se apaixonada até que um dia ela conhecer um novo aluno da escola, Joe Fontaine com seus grandes e lindos cílios entra em sua vida. Joe é um garoto animado, educado e estar sempre sorrindo, ele procura se aproxima de Lennie para anima-la e fazê-la com que ela volte para a música, depois que sua irmã morreu ela desistiu de toca. Joe quer que ela volte a vida, que seja feliz e estar sempre disposto a ajuda-la a sair desse sofrimento, entretanto Lennie acha que isso tudo é errado, e que ela não deveria estar feliz e nem se apaixonado, apenas acredita que deveria estar lamentado pela irmã.


"Será que ele olha assim para todo mundo? Será que ele é maluco? Seja lá o que ele for, é contagioso."

O Céu Está em Todo Lugar é um livro maravilhoso. Aqui marca uma perda, um sentimento de luto. Vemos como a pequena Lennie sofre pela perda de sua irmã, a forma como ela estar encarando isso e a maneira de como ela vai aceitando esse sofrimento. Com toda a reviravolta em sua vida, disso tudo ela tirou uma boa lição, aprendeu com os erros e isso foi gratificante ver como a personagem amadureceu durante a leitura. Fazia muito tempo que tinha lido esse livro e poder reler foi como ler pela primeira vez e captar aqueles momentos, sentimentos que não tinha sentindo antes. A leitura é encantadora, vale a pena ler.

6 comentários

  1. Lily!
    Sempre ouvi falar do livro, mas nunca tive oportunidade de ler.
    Deve ser um drama muito bem escrito e gostaria de poder acompanhar Lennie em sua perda e em como superou as dificuldades.
    cheirinhos
    rudy

    ResponderExcluir
  2. Puxa, há quanto tempo não via ou lia sobre este livro! Uma das histórias mais lindas que já tive o prazer de ler.
    E oh, a Novo Conceito anda sumida...puxa, deu uma tristeza agora!
    A dor da perda, o precisar continuar, as dúvidas, tudo ali, junto e misturado num misto de sentimentos!
    Preciso reler a obra com outros olhos!!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lily
    Não conhecia o livro, que capa simples e lindíssima ao mesmo tempo.
    O Céu Está Em Todo Lugar tem um enredo fascinante que te prende do começo ao fim, a autora faz com que o leitor se sinta no lugar dos personagens.
    Quero muito ter a chance de ler, beijos.

    ResponderExcluir
  4. Caramba que complexo! Eu confesso que fiquei impressionada com o enredo, não conhecia o livro e gostei bastante da temática, deve ser algo bem difícil! A aproximação dela com o namorado da irmã me lembrou muito Para todos os garotos que já amei (sei lá pq! Kkkkk), e talvez eles tenham se aproximado para guardar as lembranças que cada um tem da Bailey. Já pelo fato de ela se apaixonar é até aceitável, ela está triste e talvez tenta fugir da dor ou é só o amor mesmo!

    ResponderExcluir
  5. Oiii ❤ Nossa, não consigo nem imaginar a dor que é perder uma pessoa que se ama tanto, parece ter sido um choque para Lennie saber que não vai ter mais a irmã ao seu lado.
    Deve ser algo bem conflituoso para a personagem gostar do namorado da irmã, imagino a culpa que ela deve sentir por isso.
    Espero que a dor da perda que Lennie sente diminua e que ela seja feliz.
    Beijos ❤

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o livro nem a autora, mas o enredo me chamou muito a atenção.
    Achei o enredo em si bem emotivo, já que a Lennie sofre pela perda da irmã e se prende nesse sentimento sem deixar sentir o restante, principalmente achar errado se apaixonar. Esse foi um dos motivos que mais me interessou no livro e fiquei com muita vontade de descobrir quais decisões ela tomou.

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design