28 de junho de 2019

As Cicatrizes de Andy


Olá Meus Queridos Leitores!
Tudo de boa com vocês?!
Mais uma leitura nacional e com uma história encantadora e emocionante.
Me acompanhe nessa resenha!

Resultado de imagem para as cicatrizes de andy
Crescendo no sistema de adoção, Andy foi deixada com muitas cicatrizes – físicas e emocionais. Ela nunca teve uma família e por isso jurou a si mesma que jamais precisaria de alguém. Andy corre atrás do que quer e sempre consegue o que está determinada a ter. Menos CJ.Sério e extremamente sexy, CJ é um policial que acabou de se mudar para San Francisco, e parece que gosta de ficar de olho em Andy. O problema é que isso é tudo que CJ faz. O flerte, que começou misterioso e sensual, está deixando Andy impaciente e frustrada. Por que ela não consegue simplesmente ir até ele? O que ele quer?Em meio a uma conturbada relação, uma criança chega à emergência com ferimentos que lembram Andy de sua infância. Ela precisa ajudá-lo, mas como essa situação vai mudar a relação entre os dois? Pode isso ser o começo de algo ainda maior na sua vida, ou as cicatrizes são profundas demais para serem curadas?





Conheceremos a história de Andrea McAllister, ou podemos chama-la de Andy, uma mulher que não teve uma infância muito feliz. Foi criada no sistema de adoção e nele teve convivências não muitos agradáveis e que se tornou as suas piores cicatrizes. E ainda no sistema que ela conhece Suze, uma assistente social que lhe ajudou quando precisava. Depois de muito tempo, Andy quer fazer uma diferença na vida de alguém da mesma forma que Suze fez com ela, então ela se inscrever para fazer com que seu apartamento seja um lar temporário e que seja bem diferente do que ela já frequentou quando era criança.

"Mas às vezes, uma cicatriz é uma queimadura de cigarro cicatrizado - Penso comigo mesma. Às vezes um choro abafado no meio da noite não é só um pesadelo."

Andy se formou e trabalha como enfermeira no hospital Geral Mercy Bay, ali tem seus melhores amigos Ravi e Zoe. Ela vive uma vida tranquila, a não ser quando tem que lidar com as crises de Ravi que está passando por um momento conturbador depois de terminar o relacionamento e também com CJ Sims, um policial que vive flertando com ela, mas que nunca toma uma boa atitude em relação a isso. Andy também não se atreve já que tem muito medo de se envolve com as pessoas para não sair machucada como muitas vezes acontece.

"Às vazes o maior gesto de amor verdadeiro que alguém pode te dar é ficar. Ficar durante toda a merda que você joga em cima delas, aguentar toda a sua loucura."

Enquanto a nossa querida Andy está nesse vai ou não com CJ, no hospital Mercy Bay aparece um garotinho de seis anos, Wade que possivelmente sofreu um acidente com a família de um amigo, mas Andy sabe que não é exatamente isso. Ela já foi vítima de maus tratos e por isso sabe identificar quando alguém estar passando por isso, então que ela recebe a confirmação de que Wade vinha sendo maltratado pelo pai e nesse momento que ela chama o Serviço Social e nessa pegada que ela oferece ser o lar temporário para o garotinho já que sua solicitação foi aceitada.

Aqui vamos vendo a jornada da pequena Andy com o Wade tendo uma convivência muito maravilhosa, onde ela terá que aprender a lidar a aceitar que as pessoas fiquem perto dela, e que ela possa deixar ser amada e amar novamente. Para ela é tudo novo e assustador mas vai aprendendo a lidar com todos os conflitos e vai criando um laço lindo com Wade e só no perigo que irá aprender a lidar com todas suas cicatrizes.

A Cicatriz de Andy traz uma história maravilhosa. Eu já tinha lido o primeiro volume da série Mercy Bay e claro que não podia me enganar com essa nova história, Layla trouxe amor e lições maravilhosas nessa trama e que vale muito a pena ler.


5 comentários

  1. Oiii ❤ Já fiquei de coração partido por Andy, triste demais ela ter crescido no sistema de adoção e ter sofrido tanto. Fiquei comovida com a atitude dela de querer receber uma criança para adoção em sua casa ❤
    Estou muito curiosa sobre esse romance já que CJ só flerta com Andy, sem nunca tomar uma atitude. Quero saber qual dos dois dá um passo a frente em direção ao outro.
    Esse livro parece muito mais que o romance entre Andy e CJ, mas sim uma relação fraternal entre Andy e Wade. Adorei o tema que a autora decidiu tratar.
    Obrigada pela dica de leitura. Quero muito ler esse livro ❤

    ResponderExcluir
  2. Olá! Já me deparei mais de uma vez com esse livro no Kindle, mas nunca parei para ler a sinopse e ver do que a história se tratava, mas agora depois de ler a sua resenha, estou muito intrigada com a premissa do livro.
    Achei muito bonita a atitude de Andy de querer transformar a vida de alguém. Que personagem maravilhosa!
    Estou ansiosa para ver a relação de Andy e Wade, e acompanhar as transformações que ocorrerão na vida de ambos.
    Muitooo obrigada pela indicação! Não vejo a hora de fazer a leitura desse livro e me emocionar!
    Beijos! ♡

    ResponderExcluir
  3. Bonita essa história, um amor diferente de romance e muitos traumas e coisas pra superar. É triste demais ter uma infância assim e a ligação deles com esse detalhe que os une, a vontade dela de dar algo melhor, de amar, é bem bonito. Uma história pra aquecer o coração e torcer pra tudo dar certo com eles ^^

    ResponderExcluir
  4. Primeira vez que vejo sobre esse livro e já causou uma excelente primeira impressão.
    Adorei a capa, e senti pena de Andy, espero que ela consiga ajudar Wade, e que CJ tome uma atitude, não sei se vou gostar de CJ, mas é uma leitura que com certeza pretendo fazer. Adorei a resenha e agradeço demais pela dica.

    ResponderExcluir
  5. Que história sensível e emocionante!
    A Andy parece ter sofrido muito mas ser uma pessoa incrível e boa.
    O livro todo parece ser permeado de reflexões e bons ensinamentos.
    Já quero!
    Bjs

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design