18 de junho de 2019

Top: Mortes Literárias Que não Aceitamos

Olá Meus Queridos Leitores!
Tudo de boa com vocês?!
Quem nunca superou uma morte literária?
Todos nos leitores tivemos nosso momento de raiva, dor e amor também né. Mas a pior de todas e ver aquele seu personagem favorito ter um final não muito bom e mesmo assim tiveram e você literalmente ficou arrasado e não aceita de jeito nenhum esse final. Então, me acompanhe nessa jornada.




1. Como Eu era Antes de Você - Jojo Moyes
Claro que esse livro todo mundo já conhece e tem um amor enorme pelos protagonista, mas claro que todos os leitores e incluindo eu não aceitou o final de Will, tudo bem que foi uma escolha do personagem e vive do jeito que ele estava não é muito agradável, Will fez sua escolha mas para nos leitores não foi bom. Eu mesma me recuso aceitar esse final.

Resultado de imagem para como eu era antes de você

2. Quem é Você, Alasca? - John Green
Resultado de imagem para quem é você alascaEsse é uns dos meus livros favoritos de Green. E como todos sabem ele e um autor com suas historias maravilhosas e que surpreende o leitores. Com o final desse livro fiquei tipo "por que terminou assim?" Eu basicamente não gostei nada do final da personagem, deveria ter um final diferente mas com isso deixou uma lição bem valiosa para nós e também que todos desejassem que tivesse um final diferente.

3. A Culpa é das Estrelas - John Green
Sinto muito mas devo mencionar esse livro. Foi um final que literalmente eu não aceito de jeito nenhum, eu mesma queria muito matar o autor por fazer esse final, queria muito e desejava muito que tivesse uma historia diferente para o protagonista, por que teve que terminar dessa forma? Muitos leitores conhecer esse livro e o meu livro favorito e sinto em dizer mais eu não aceito esse final de jeito maneira.

Resultado de imagem para a culpa é das estrelas

4. Os 13 Porquês - Jay Asher
Eu mesma não sei o que realmente dizer desse livro. Sei que nele traz uma historia conturbadora e verdadeira. Eu entendo todas as razões que fizeram Hannah a chegar a esse ponto mas foi um final que não deveria terminar assim. Poderia haver outra forma de Hannah enfrentar o seu pesadelo e continua vivendo. Para mim não é uma morte que realmente aceito.



8 comentários

  1. Oie! Eu também concordo que a morte do Will foi bem sofrida, chorei muito quando ele partiu, agora a de A culpa é das estrelas eu quase tive um colapso! Sofri horrores, John Green matando a gente.

    ResponderExcluir
  2. Não superei nenhuma desses mortes ainda haha
    Ainda mais a de Quem é você Alasca, que me deixou chocada
    Adorei o post.

    beijinhos
    She is a Bookaholic
    Minhas pequenas coisas

    ResponderExcluir
  3. Olá! Sou apaixonada por A Culpa é das Estrelas, toda vez que assisto o filme é choro na certa. Sou fã de finais felizes e fiquei devastada com a morte do Gus, ele e Hazel mereciam mais tempo juntos. Só de lembrar de tudo que eles viveram juntos já sinto a garganta apertar.
    Lou e Will são tão perfeitos juntos e me dói tanto que eles não tenham terminado juntos.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oiii ❤ Já perdi as contas de quantas vezes já chorei por mortes em livros, séries e filmes. Tem umas que eu ainda não superei apesar de já fazer tempo que li/assisti.
    A Culpa é das Estrelas é o exemplo perfeito de filme que me fez chorar e soluçar. Nunca vou conseguir esquecer da morte do Gus, foi terrível ver o sofrimento dele e ver a sua morte horrível. Não teve uma vez que eu assisti esse filme que eu não me debulhei em lágrimas.
    Aconteceu várias vezes enquanto eu lia a morte do personagem eu chorar tanto que enxergar a página ficava difícil.
    Acho que os autores deviam ter mais piedade do nosso coração ❤

    ResponderExcluir
  5. HA! Essa foi boa. E concordo com tantas porque olha, passei aquela raiva de não é justo em todas elas.
    Will, ahh, foi uma droga. Uma droga :(
    O de Quem é você Alasca fiquei MASÔQUÊ!?! de tão chocada. Meu livro favorito. Mas uma outra porcaria incorfomavel.
    O outro dele foi outro choque porque esperava outro personagem ir embora. Triste também né. Dá umas vontades de sacudir o tio Jão Verde mesmo.
    O dos 13 é que pesou demais. Tá bom que a ideia era dar uma conscientizada, pegar a gente pelo baque, mas a gente fica num eterno porque porque porque?! com esse livro. Tanta coisa podia ter sido diferente e só dá tristeza de ler. Finais que não precisavam mesmo e nunca iremos nos conformar :S

    ResponderExcluir
  6. Oiii! Ah, é devastador quando uma morte inesperada e indesejada acontece, mas eu já parei para pensar qual seria o desfecho para o personagem se ele continuasse vivendo na história e não vejo como o autor poderia fechar a história para ele de outra forma. Enfim, eu sofro muito quando isso acontece, mas às vezes é o que torna a história marcante.
    Beijos, Adri
    Espiral de Livros

    ResponderExcluir
  7. Eu odeio quando acontece de um personagem que eu goste morrer, isso me deixa triste e ao mesmo tempo com raiva.
    Odeio tambem o final de will :(
    Os outro tres que descreveu eu ainda não li mas acho que tambem não irei gostar disso.

    ResponderExcluir
  8. Sabe que concordo com todas as suas escolhas e também não me conformo com elas!
    A morte mais chocante de livros para mim foi a do Sirius Black de HP.
    Mesmo 7 anos após ter lido pela primeira vez os livros ainda sofro por isso. Não da pra aceitar kkm
    Bjs

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design