Gótico Mexicano, Silvia Moreno-Garcia

17 de novembro de 2022

Hey Leitores, turubon?
Já leu algum livro de terror? Particularmente não é muito o meu gênero literário, mas sair da zona de conforto faz bem, assim podemos ter a oportunidade de conhecer outros gêneros e quem sabe acaba se apaixonando por ele, não é mesmo.
 
De certa forma, todos os sonhos preveem acontecimentos, alguns com mais clareza do que outros.

Noemi Taboada, uma jovem totalmente diferente de sua época. Ela não segue as regras da sociedade, que é procurar um marido e é o que seu pai mais deseja para ela, porém Noemi estar sempre em festa e curtição. Ela conseguiu conclui o ensino superior e até conseguiu convencer o seu pai a aceita a sua decisão, porém ela que fazer mestrado, mas seu pai não aceita.
 
O mundo está repleto de tantas coisas extraordinárias, não é? Poderíamos passar a vida inteira percorrendo bosques e florestas e não ainda assim descobriremos um décimo dos segredos da natureza.

Em uma noite, Noemi é convocada pelo próprio pai. Ele recebeu uma carta misteriosa de sua sobrinha, Catalina, a quem ele cuidou desde de pequena quando perdeu os pais. Em uma carta totalmente confusa e sem sentindo faz com que o pai de Noemi fique preocupado com ela e pede que Noemi vá visitar a sua prima e tentar descobrir o que estar acontecendo e em troca disso, ela poderá fazer o mestrado que ela tanto deseja.

High Place não chegava a ser uma casa caindo aos pedaços, mas estava cheia de pequenas imperfeições.

Catalina se casou com um jovem misterioso chamado Virgil Doyle e foram embora, assim afastando Catalina da família. Ao chegar na pequena cidade do interior, El Triunfo percebe que a família a qual sua prima convive é totalmente misteriosa, pois vive em uma mansão afastada de tudo. Todos devem seguir umas regras imposta pela família, na qual Noemi faz de tudo para não seguir. Apenas em algumas noites tudo começa a ficar estranho na casa e a própria Noemi não sabe se o que estar acontecendo é real ou não.



Gótico Mexicano
é um terror com uma mistura de mistério. A autora tem uma escrita muito maravilhosa e que nós mostrar bastante a cultura do México e faz com que nós leitores sinta o medo da própria protagonista. A leitura não é tão fluida de início, pois fiquei sem entende praticamente nada da trama, vamos dizer que até a pagina 70 é meio que uma introdução porque a partir dai as coisas começa acontecer.
 
A Noemi é uma personagem incrível, bem corajosa e literalmente dona de si. Basicamente ela quebra a regra da sociedade onde as mulheres tem que apenas ter filhos e casar. Ela quer mais, quer ter conhecimentos, estudar nas universidades. Já os outros personagens, como a família Doyle são misteriosos e que ao longo da narrativa vai descobrindo mais sobre eles.

É uma leitura cheia de mistério, terror e muita coisas grotesca. Eu amei demais o livro e que estou pronta para embarca nesse novo gênero literário. Gótico Mexicano traz tudo que um leitor de terror pode amar. Ah, e só pra avisar o livro traz muitos gatilhos em sua trama como tentativa de estupro, racismo, canibalismo e incesto.

Classificação Indicativa +16

6 comentários

  1. Também não é um gênero que eu leia muito. Porém participei de uma leitura coletiva de Gótico Mexicano. Para minha própria surpresa, eu curti muito. Achei que teve partes meio paradas. Concordo com você Noemi é uma personagem muito interessante e cheia de camadas

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre achei a capa desse livro lindíssima porem terror não faz parte do meus gostos literários e diferente de você não tem como eu fugir da minha zona de conforto, pois o medo não permite.
    Fico mesmo apenas acompanhando as resenhas e admirando quem consegue ler.

    ResponderExcluir
  3. Pois adoro e nao me canso de personagens femininos nao fazendo o que a sociedade espera desde de livros em outra epoca como na nossa.
    Ainda não li esse livro, mas to bem curiosa em conhecer a historia e espero muito gostar.
    Leio pouco terror mas acho que vou curtir esse aí.

    ResponderExcluir
  4. Lily!
    Gosto de livros de terror e faz muito tempo que não leio um bom.
    Talvez esse seja um bom retorno, ainda mais que é misturado com um mistério.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  5. Eu gosto de terror, mas não conhecia esse livro. Acho ruim quando a introdução está condensada nas primeiras páginas e torna a leitura arrastada, prefiro com os autores vão diluindo as informações aos poucos juntando com elementos para tornar a leitura mais fluída.

    ResponderExcluir
  6. Olá! Essa capa dá uma enganada hein, mesmo não lendo muito do gênero, tenho curiosidade de conferir esse livro, principalmente por essa parte do mistério.

    ResponderExcluir