14 de setembro de 2018

Setembro Amarelo: cinco livros que abordam sobre suicídio

Olá Meus Queridos Leitores!
Hoje trago um assunto muito delicado, O suicídio. Esse mês de setembro é considerado o setembro amarelo, uma campanha para prevenção ao suicídio com o objetivo de alertar a população sobre essa realidade.
Você sabia que o suicídio leva mais de 800 mil vidas por ano? Sabe o que significa esse número, tendo em conta que isso é a cada 40 segundos, uma pessoa comete suicídio no mundo. Eu posso estar aqui escrevendo sobre esse tema mais em algum lugar do mundo alguém estar tentando se matar. É claro que não para por aqui a cada tentativa de suicídio, pelo menos 20 tentativas fracassadas. Aqui no Brasil a realidade não fica muito boa, segundo o relatório pela OMS (Organização Mundial da Saúde) o Brasil é o oitavo país com a maior taxa de suicídio do mundo. Então vamos conscientizar e ajudar aqueles que realmente precisar de ajudar e não ficar quieto calado vendo tudo acontece.
Então trago a vocês cincos livros que abordam esse tema. Confere!

Resultado de imagem para setembro amarelo livro

Resultado de imagem para os 13 porquÊs
Os 13 Porquês - Jay AsherAo voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker, uma colega de classe e antiga paquera, que cometeu suicídio duas semanas atrás. Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.


Resultado de imagem para eu estive aqui
Eu estive aqui - Gayle FormanQuando sua melhor amiga, Meg, toma um frasco de veneno sozinha num quarto de motel, Cody fica chocada e arrasada. Ela e Meg compartilhavam tudo... Como podia não ter previsto aquilo, como não percebera nenhum sinal? A pedido dos pais de Meg, Cody viaja a Tacoma, onde a amiga fazia faculdade, para reunir seus pertences. Lá, acaba descobrindo muitas coisas que Meg não havia lhe contado. Conhece seus colegas de quarto, o tipo de pessoa com quem Cody nunca teria esbarrado em sua cidadezinha no fim do mundo. E conhece Ben McCallister, o guitarrista zombeteiro que se envolveu com Meg e tem os próprios segredos. Porém, sua maior descoberta ocorre quando recebe dos pais de Meg o notebook da melhor amiga. Vasculhando o computador, Cody dá de cara com um arquivo criptografado, impossível de abrir. Até que um colega nerd consegue desbloqueá-lo... E de repente tudo o que ela pensou que sabia sobre a morte de Meg é posto em dúvida. Eu Estive Aqui é Gayle Forman em sua melhor forma, uma história tensa, comovente e redentora que mostra que é possível seguir em frente mesmo diante de uma perda indescritível. "Eu Estive Aqui é a mais perfeita mescla de mistério, tragédia e romance. Gayle Forman dá ao leitor um retrato sincero da coragem necessária para continuar vivendo após uma perda devastadora. " - Stephen Chbosky, autor de As Vantagens de Ser Invisível

Imagem relacionada
Por lugares incríveis - Jennifer NivenViolet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, Violet se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família. Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.

Resultado de imagem para a lista negra
A Lista Negra - Jennifer BrownE se você desejasse a morte de uma pessoa e isso acontecesse? E se o assassino fosse alguém que você ama? O namorado de Valerie Leftman, Nick Levil, abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola em que estudavam. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma colega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista com o nome dos estudantes que praticavam bullying contra os dois. A lista que ele usou para escolher seus alvos.Agora, ainda se recuperando do ferimento e do trauma, Val é forçada a enfrentar uma dura realidade ao voltar para a escola para terminar o Ensino Médio. Assombrada pela lembrança do namorado, que ainda ama, passando por problemas de relacionamento com a família, com os ex-amigos e a garota a quem salvou, Val deve enfrentar seus fantasmas e encontrar seu papel nessa história em que todos são, ao mesmo tempo, responsáveis e vítimas.  A Lista Negra, de Jennifer Brown, é um romance instigante, que toca o leitor; leitura obrigatória, profunda e comovente. Um livro sobre bullying praticado dentro das escolas que provoca reflexões sobre as atitudes, responsabilidades e, principalmente, sobre o comportamento humano. Enfim, uma bela história sobre auto-conhecimento e o perdão.


Resultado de imagem para garotas de vidro
Garotas de Vidro - Laurie Halse AndersonLia está doente e sua obsessão pela magreza a deixa cada vez mais confusa entre a realidade e a mentira. Mas ela perde totalmente o controle quando recebe a notícia de que sua melhor amiga, Cassie, morreu sozinha em um quarto de motel. E o pior: Cassie ligou para Lia 33 vezes antes de morrer.O que começou como uma aposta entre duas amigas para ver quem ficaria mais magra tornou-se o maior pesadelo de duas adolescentes reféns de seus próprios corpos. Ao negar seu problema, Lia impõe a si mesma um regime cruel em que contar calorias não é o bastante. Ao omitir seu desespero, apela ao autoflagelo numa tentativa premeditada de aliviar seus tormentos. Seus pais e sua madrasta tentam ajudá-la a qualquer custo, mas nem mesmo sua doce irmã, Emma, consegue fazer com que Lia pare de se destruir.Agora, Lia precisa encontrar um modo de lidar com todos os seus fantasmas, e a morte de Cassie é um deles.Garotas de Vidro é uma história intoxicante sobre a autorrepugnância e a busca pela identidade. Neste livro, Laure Halse anderson aborda de modo realista a dolorosa condição de jovens que sofrem de transtornos alimentares e sua complicada relação com o espelho e consigo mesmos.


4 comentários

  1. Lily!
    Li aPENAS Garotas de vidro e Eu estive aqui.
    Precisamos discutir o assunto, concorda?
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá rudy!
      Concordo com você plenamente, é um tema muito complicado e que deve ser discutido!

      Excluir
  2. Quero muito ler garotas de vidro, uma amiga minha já falou que é muito bom.

    www.garotaeraumavez.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Lily, tudo bem?
    Acredito que quanto mais falarmos de assuntos tão sensíveis, menos as pessoas que precisam de ajuda terão vergonha e irão procurar e pedir apoio.
    Bjkas

    http://www.acordeicomvontadedeler.com/

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design