2 de setembro de 2018

Um Lugar Silencioso

Olá Meus Queridos Leitores!
Já faz um tempinho que tinha ido ao cinema para assistir ao filme Um Lugar Silencioso e com a vida tão corrida que me faltou por fazer a resenha, então hoje trago a vocês. Então confira!

Resultado de imagem para um lugar silencioso
Em uma fazenda dos Estados Unidos, uma família do meio-oeste é perseguida por uma entidade fantasmagórica assustadora. Para se protegerem, eles devem permanecer em silêncio absoluto, a qualquer custo, pois o perigo é ativado pela percepção do som.


Um filme de terror que sempre traz aquele momentos constrangedores e assustadores, que quando estamos no cinema todos gritam naquele momento que não esperávamos ou que somos pegos desprevenido, então trazer ao cinema um filme de terror bem diferenciado onde não há som, simplesmente um lugar silencioso.

Conhecemos uma família que vive no interior de Nova York em uma fazenda imersa depois de um cenário pós apocalípticos. Criaturas monstruosas e estranha destruíram grande parte da população da Terra e ainda segue a espreita para destruir o que ainda resta. O filme já deixa um cenário fixo e sem nos deixa explicação de onde e como os inimigos chegaram e o porquê.

Resultado de imagem para um lugar silencioso

Lee é o líder, um homem que cuida da família e o bem-estar de todos, evitando qualquer tipo de barulho. Evelyn está gravida e que todos nos pensamos é como ter um parto sem fazer qualquer barulho?! Ou filho sem chorar ao nascer, mas eles são um casal inteligentes e estão em busca de maneiras de sobrevivência. Juntos deles temos os dois filhos Regan e Marcus, o garoto sempre vive assustado e a garotinha se passa a sentir culpada por um acontecimento que afeta toda família no inicio do filme. Regan tem problemas com seu pai e isso acaba afastando-os, entretanto, o pai faz de tudo para que a filha possa a volta a escutar, já que tem problemas auditivos e também ensina a Marcus a ser independente para poder se defender nos momentos de perigos.

Imagem relacionada

O que podemos saber e que os mostro são cegos e que atacam através dar audição. Portanto que é imprescindível que os que sobreviveram permaneçam em total silencio para que possa sobreviver e manter os predadores mais longe possível. A história é bastante simples, não há muita enrolação apenas estão ali mostrando a luta pela sobrevivência, sem muitas delongas ou grande reviravoltas.

Ao longo do filme vemos a rotina da família e como elas fazem de tudo para própria sobrevivência e assim proteger uns aos outros. O filme e daqueles que você assistir sem espera o que realmente pode acontece ou como vai terminar a trama. Gostei bastante do filme e para quem gostar de um diferenciado pode optar por ele, com certeza irá gostar.

2 comentários

  1. Lily!
    Nossa! Arrepiei apenas com sua resenha.
    Faz tempo que não assisto um filme de terror, adorei a indicação.
    Espero que tenha um ótimo feriado e bom final de semana!
    “Só são verdadeiramente felizes aqueles que procuram ser úteis aos outros.” (Albert Schweitzer)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA SETEMBRO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Oi Lily, tudo bem?
    Esse é um filme que tem uma pegada mais psicológica do que de terror mesmo. Eu gostei, mas não amei.
    Bjkas

    http://www.acordeicomvontadedeler.com/

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design