21 de abril de 2019

Como Eu Era Antes de Você

Olá Meus Queridos Leitores!
Tudo bem com vocês?! Tudo de boa comigo.
Hoje trago a vocês uma resenha maravilhosa e cheia de amor.  Muitos já devem ter lido e provavelmente conhecer a historia, mas vim compartilhar essa historia linda que a autora Jojo Moyes fez, então vamos lá!

Resultado de imagem para como eu era antes de você livro
Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade - um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas - e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe.Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário.Uma comovente história sobre amor e família, Como eu era antes de você mostra, acima de tudo, a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.




Como eu era antes de você, conheceremos a historia de Louisa Clark, uma jovem de 26 anos que vive com seus pais e trabalha como uma garçonete a mais de seis anos e obtém um relacionamento estável com Patrick, um cara nada legal e que não dar muita atenção a ela. Luisa estar muito bem conformada com essa vida que leva, uma rotina monótona. Tudo muda quando o café onde ela trabalha é fechado, Louisa terá que em buscar de um novo emprego.

Ela tenta de todas as maneiras procura um trabalho que seja qualificado para ela mas com tantas tentativas ela percebe que não é qualificada para os empregos que oferece, a unica coisa que ela sabe é lidar com as pessoas. Clark recebe uma ultima tentativa, uma ultima entrevista de trabalho que é ser cuidadora de um tetraplégico por seis meses mas ela vê obrigada a aceitar esse trabalho pela necessidade de ajudar a sua família financeiramente.


"Por isso, acho que você está fazendo a pergunta errada. Quem são os fortes e sadios para decidir como deve ser a nossa vida? Se essa não é vida certa para o seu amigo, a questão deveria ser: Como posso ajudá-lo a acabar com isso?"

Quando chegar na mansão para trabalhar, Louisa conhece Will. Will era um advogado mais respeitado de Londres, basicamente em seus dias livres fazia viagens longas praticando esportes radicais. Depois de seu acidente, Will se vê preso em uma cadeira de rodas, se tornando uma pessoa cheio de amargura, infeliz e muito mal humorado. Nos primeiros contatos entre eles não começa nada bem, Louisa tenta ao máximo fazer de tudo por ele mas Wil estar sempre interrompendo-la e dizendo que a presença dela ali não é necessária. Ela passa a ter mais contato com Nathan, um enfermeiro que cuida de Will.


"-Tem álcool nesse coquetel de frutas? - perguntei a Will, depois de derramar o saleiro no colo.
- O mesmo teor de uma garrafa de vinho. Cada um.
Olhei para ele, apavorada. Olhei para os dois, na verdade.
- Esta brincando! O coquetel era de frutas! Por isso, achei que não tinha álcool. Como vou dirigir de volta para casa?
-Bela cuidadora você é - disse ele. Levantou uma sobrancelha."


Louisa ficar no emprego pela insistência da mãe de Will e passa a conviver com ele todos os dias e claro que ela passa a responde-lo da mesma maneira grossa e sarcástica. Ao poucos eles vão se conhecendo e criando um laço, uma amizade. Loiusa e Will passa a fazer atividades juntos como vê filmes ou passear em pontos turístico da cidade, e nessa amizade linda que Will começa a se abrir para Louisa e não consegue entender como uma garota linda como ela se contenta em viver numa cidade como essa e trabalha em um café.
Com Will, Louisa aprende muitas coisas, abre mais a mente para o mundo. E claro, ela aprende que consegue vê uma pessoa inteligente e engraçado mesmo estando numa situação ruim. Ela começa a percebe que Will dar mais atenção a ela do que seu próprio namorado que só quer saber de trabalho e academia. A amizade entre eles cresce cada vez mais e Louisa passa planejando atividades incríveis e ótimas que possa passa com Will e ao mesmo fazer-lo que se sinta vivo, livre e feliz. E ao mesmo tempo ela começa a experimentar coisas novas, se aventura e descobrir coisas novas.

Vamos parando por aqui antes que eu comece a dar spoiler e isso não quero. Esse livro foi um tiro no meu coração, para ser sincera já conhecia a historia, minha mãe me fez assistir o filme e só logo depois descobrir que era adaptação de um livro e claro que tive que ir ler mas pensei que não sofreria, mentira, eu me enganei e chorei horrores. A autora soube fazer uma historia delicada de uma maneira maravilhosa. Se estar em busca de um livro que te faça chora horrores pode ler ele, mas se está querendo algo feliz então nem tente.

4 comentários

  1. Olá Lily!
    Sou suspeito para falar de Jojo Moyes pois a autora é uma das minha preferidas, mas simplesmente não tem um elogio digno o suficiente para definir essa série, né? Moyes dá um show de caracterização nesta obra, entregando uma história extremamente bem construída e que possui a cautela que o tema abordado exige. Enfim, se você amou esse, corre pra ler as sequências porque só melhora.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Lily!
    Já li esse e outro livro depois dele, bem como assisti o filme e não tem como nos emocionarmos e nos surpreendermos com o final...
    Boa Páscoa!
    cheirinhos
    Rudy
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lily!
    Por ser uma manteiga derretida eu sempre evito ler livros que eu sei que me farão chorar horrores, por isso acho muito difícil eu algum dia vir ler Como Eu Era Antes de Você, não tenho coragem nem emocional... Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Assisti ao filme e chorei muito no final, então nem tentei ler o livro. Mas a història é emocionante mesmo, so queria que o final fosse diferente.

    ResponderExcluir

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design